Test Drive do SmartDoctor – terceira parte


Terminando o test drive do SmartDoctor, o Smartdoctor apresenta uma solução para facilitar a entrada de dados de forma estruturada, ou pelo menos automatizando parte do atendimento. No inicio da consulta, o profissional escolhe um tipo de procedimento que irá seguir.

A interface abaixo mostra como os formulários são mostrados na aba de “registros clínicos”. Estão organizados pela data em que foram usados (consulta inicial, consulta subsequente, consulta de cardiologia etc), assim como o autor (clique nas imagens para ampliar).

smd registros clinicos

A interface abaixo mostra a interface onde se escolhe o formulário que será usado após escolher o paciente que será atendido na interface da agenda.

sda cadastro 3 procedimento

As interfaces abaixo são do formulário de cardiologia. Inclui uma escala de Framinghan. A senha de administrador que me foi disponibilizada não permitia preencher formulários novos para testar com mais detalhes.

sda consulta inicial cardiologia

sda consulta inicial cardiologia3

O formulário de “consulta inicial de pediatria” inclui a opção de mostrar os dados graficamente como mostra a interface abaixo.

smd crescimento

O Smartdoctor tem funcionalidades que permitem cadastrar uma série de itens como listado na interface abaixo.

sda cadastro 1

A interface abaixo mostra a edição do cadastro de uma medicação.

sda cadastro bulario

Uma configuração que senti falta foi a de impressão dos formulários. Para imprimir, os dados são enviados para o Acrobat Reader para ver o preview e depois pede para imprimir. Existem prontuários eletrônicos que permitem imprimir direto, sem ver o preview, sendo bem mais rápido. Então a configuração tinha que ter opção imprimir com ou sem preview para cada módulo ou funcionalidade que usa recurso de impressão.

Adaptação para a Atenção Primária

O Smartdoctor ainda precisa de algumas funcionalidades para ser bem aceito na Atenção Primária.

– Ferramentas de abordagem familiar como o Genograma e PRACTICE.

– Um sistema de informação para a APS tem que ser bem poderoso, disponibilizando dados e relatórios para a gestão e para as equipes do PSF. Não encontrei nenhuma ferramenta parecida no Smartdoctor.

– Módulos para outros membros da equipe como o enfermeiro e a odontologia.

– O módulo de cadastro tem que ser adaptado para situações específicas do SUS. Por exemplo, ao cadastrar uma medicação, seria necessário indicar se está disponível na farmácia do SUS, farmácia popular, particular etc, e depois ser mostrado para o profissional.

– A ficha de produção no PSF é diferente da TISS usada no Smartdoctor.

Uma resposta to “Test Drive do SmartDoctor – terceira parte”

  1. Marcos Borges Says:

    Olá,

    meu nome é Marcos, sou médico, formado pela FCMMG há um ano, estou me especializando em Medicina do Trabalho e resido em Belo Horizonte. Tenho profundo interesse pela área de informática médica e outras áreas de inovação tecnológica e trandisciplinaridade. Passei a pesquisar sobre o assunto e me deparei com seu blog, que tem me agradado bastante. O que você me sugere para formação na área? Estou cogitando realizar outra graduação, como Ciência da Computação, já que gosto muito de estudar (incluindo temas não médicos).

    Parabéns pela iniciativa.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: